fbpx

Manutenção em 2021: O que esperar?

O ano está acabando e já começa-se a pensar nas projeções para 2021. Após um ano turbulento e cheio de desafios é necessário se planejar bem para alcançar um bom desempenho no ano que está por vir. E é claro que o setor de manutenção não pode ficar de fora dessa lista.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizou uma pesquisa que revelou o impacto da pandemia do novo corona vírus na economia e o que se espera para o próximo ano. Incrivelmente, os dados indicam que sete em cada dez negócios industriais já retornaram pelo menos ao mesmo nível de produção (70%) e de faturamento (69%) de fevereiro, antes da chegada da Covid-19 ao Brasil. E também estipula-se que as perspectivas para 2021 são de aumento no faturamento em 62% das empresas pesquisadas. 

Sem dúvidas, o setor de manutenção é muito importante para garantir essa boa produtividade. Cabe ao gestor a responsabilidade de manter o chão de fábrica funcionando, inclusive seguindo as tendências tecnológicas para garantir a competitividade.

Você acha que sua empresa está preparada para acompanhar as tendências de manutenção de 2021? Confira uma lista com as principais tendências do setor:

Tendência para a manutenção em 2021

 

1. Asset Performance Management (APM)

Asset Performance Management (APM), ou sistemas de gerenciamento de desempenho de ativos, em português, atua para melhorar a confiabilidade e a disponibilidade dos ativos físicos, minimizando riscos e custos operacionais.

O APM normalmente inclui:

  • monitoramento de condição;
  • manutenção preditiva;
  • gerenciamento de integridade de ativos;
  • manutenção centrada em confiabilidade;

O APM envolve compartilhamento de informações e integração de aplicativos entre o setor de operação e manutenção para fornecer uma visão abrangente da produção, desempenho de ativos e qualidade do produto.

Ao aderir esse sistema de gerenciamento as indústrias melhoram a gestão da produção (fabricando o produto) e a gestão de ativos (garantindo a capacidade de produzir), o que aumenta a produtividade e se torna essencial para o bom desempenho da empresa.

2. Sensores Plug and Play

Muitas empresas estão investindo na conectividade de sensores e softwares, que vêm ganhando cada vez mais espaço no meio industrial. Consequentemente, o termo Plug and Play vêm também se tornando algo comum nesse espaço.

O termo Plug and Play pode ser utilizado para definir equipamentos ou soluções prontas para uso. Ou seja, se você necessita de algum software auxiliar para seu equipamento, geralmente basta colocar um sensor na máquina de acordo com a sua forma de uso e ligá-lo para que o software já comece a funcionar. O chão de fábrica deve cada vez mais receber complementos para se manter inteligente e conectado, por isso, é indispensável o uso de tais dispositivos.

Com essas soluções Plug and Play, será capaz de produzir mais peças e reduzir o tempo de inatividade das máquinas. Para exemplificar, a análise de vibração pode deixar de ser feita de forma manual e passar a ser feita de forma automática, tornando muito mais acessível para a indústria e reduzindo consideravelmente o tempo e custo desse tipo de atividade. Saiba mais sobre a solução plug and play.

 

3. Sistema CMMS

Computerized Maintenance Management System, também conhecido por Sistema Computadorizado de Gerenciamento de Manutenção, é uma ferramenta de gestão que mantém as informações relacionadas ao setor salvo em sua base de dados.

Esse software ajuda a simplificar as operações, uma vez que desburocratiza tarefas como manutenção, administração e emissão de relatórios. Por meio de um Sistema CMMS é possível ainda controlar os ativos, ordens de serviço e inventários. A tendência desse software é validada justamente pela otimização que oferece para a empresa, ajudando e muito na produtividade e podendo estender o ciclo de vida dos equipamentos em até 11%.

4. Automação de Ordens de Serviço

As Ordens de Serviço automáticas vêm recebendo cada vez mais espaço nas grandes empresas uma vez que elas garantem uma otimização do processo e geram um melhor resultado para a indústria.

Muitas vezes, os sistemas industriais precisam de manutenções periódicas em determinados componentes, seja um rolamento que precisa ser avaliado ou uma troca de óleo que precisa ser realizada em um período de tempo determinado. É de grande facilidade para o colaborador a disponibilização das Ordens de Serviço de forma automatizada.

Nessa situação podemos exemplificar com uma necessidade de troca de óleo a cada 20.000 horas de funcionamento de um determinado equipamento. Com uma plataforma capaz de realizar essa automação, uma ordem de serviço é criada de maneira automática quando estiver próximo do período de troca. Quer saber mais sobre ordens de serviço e sua automação? Acesse o artigo exclusivo desse assunto.

 

5. Manutenção prescritiva

O conceito Manutenção Prescritiva surgiu graças às possibilidades geradas pelas novas tecnologias. O objetivo é utilizar o potencial do business analytics e desenvolver soluções para falhas potenciais e identificáveis. Na prática, o funcionamento gira em torno de uma ideia bastante simples: com base na análise do que vem ocorrendo na máquina, a manutenção prescritiva oferece recomendações para evitar que falhas aconteçam.

Essa forma de manutenção se relaciona diretamente com o princípio de confiabilidade, visando identificar se um equipamento quebrará ou não e detectando de forma precipitada falhas leves que poderiam se tornar graves com o passar do tempo.

A manutenção prescritiva é reconhecida pela eficiência e assertividade, que garantem um ótimo desempenho para a indústria. Empresas como a Tractian oferecem o serviço de monitoramento de forma muito simples. Apenas colocando o nosso Sensor Band-Trac no seu equipamento, ele começa a  comunicar em tempo real com a nossa plataforma emitindo todas as informações importantes sobre a condição do seu ativo. Dessa forma, é possível garantir a saúde de suas máquinas e analisar todas as informações via celular ou computador.

Esse tipo de manutenção já vem ganhando muito espaço no setor justamente por sua praticidade e segurança, além de permitir uma ótima produtividade para a empresa. Quer saber mais sobre a manutenção prescritiva? Entre em contato com um de nossos especialistas.