fbpx

Case Blue

CASE BLUE


A Blue, empresa pioneira no mercado brasileiro de prevenção de doenças crônicas, integra e analisa o maior banco de dados hospitalar e laboratorial do Brasil, considerando dados e consultas e exames realizados até pontos mais específicos, como nível de glicose, hábitos alimentares, frequência de atividade física e o histórico de saúde completo da família do paciente.

As informações são extraídas do Departamento de Informática do SUS (DataSUS) e do censo Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde. A partir dessa avaliação, feita apenas com o fornecimento do CPF do paciente, o sistema da Blue usa técnicas de inteligência artificial e aprendizado de máquina para estimar as chances de o usuário ser acometido por determinada enfermidade.

O trabalho com a TRACTIAN deu se no início do surgimento da empresa, desenvolvemos toda parte de aprendizado de máquina e interpretação de diferentes bancos de dados para um mesmo fim, a análise preditiva de doenças crônicas de um paciente com qualquer idade.

O PROBLEMA


As doenças crônicas representam 70% de todos os óbitos registrados anualmente no planeta e são responsáveis pela morte de cerca de 41 milhões de pessoas por ano no mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Apesar do alto índice de letalidade, muitos casos poderiam ter sido evitados se as vítimas tivessem recebido um diagnóstico precoce de seu problema.

Dados Puma

 

A SOLUÇÃO


Dados Puma

Ferramenta Online de Análise Preditiva de Doenças Crônicas.

Os fundadores da Blue, em parceria com a TRACTIAN, decidiram criar um software inteligente que calcula o risco de uma pessoa ser afetada por doenças crônicas no futuro. Por se tratar de inteligência artificial, quantos mais dados disponíveis, maior é a acuracidade do resultado. Até agora, o máximo de acuracidade que a plataforma chegou foi em 94% – o índice de acerto costuma girar em torno de 84%. Já foram realizadas cerca de 10.000 consultas.

 

RESULTADOS


A solução é utilizada hoje por planos de saúde que, nesse caso, ajudam também na obtenção e integração de dados. Isso porque os planos de saúde estão presentes em diversos hospitais ao mesmo tempo. A Blue integra os dados para que a mesma pessoa não tenha que fazer o mesmo exame de sangue em diferentes hospitais que antigamente não tinham como se comunicar, além de trazer um diagnóstico mais preciso para os pacientes atendidos por médicos que utilizam do sistema.