Capa post como-a-usina-sao-domingos-aumentou-a-disponibilidade-na-safra

Como a Usina São Domingos aumentou as taxas de Disponibilidade das máquinas durante a Safra

Tempo de leitura: 7 min

De Olho Na Falha é uma série de artigos sobre histórias de indústrias que implementaram a nossa solução e foram salvas de quebras repentinas e máquinas paradas, como Embraer, Ahlstrom Munksjo, AmstedMaxion,Suspensys, Electro Aço Altona, Vibra, Yara Fertilizantes entre outras.

Fundada em agosto de 1952, a Usina São Domingos – Açúcar e Etanol está localizada no município de Catanduva, interior de São Paulo, e tem uma produção diversificada. Além do açúcar VHP, que é destinado ao mercado externo, a usina produz dois tipos de etanol (Anidro, que é adicionado como aditivo à gasolina, e Hidratado carburante, que é o combustível dos carros flex fuel), Levedura, Energia Elétrica, Bagaço de Cana e Óleo Fúsel.

Mesmo sendo uma empresa antiga, a Usina São Domingos sempre buscou ser pioneira e levar tecnologia de ponta para o setor, alinhada à gestão e otimização dos ativos.

A Usina São Domingos vem passando por um processo de crescimento para dobrar a produção de cana-de-açúcar para 3 milhões de toneladas por ano, permitindo assim o aumento significativo da produção de açúcar e etanol e fortalecendo ainda mais a sua posição no mercado sucroenergético brasileiro. Uma das parceiras escolhidas pela Usina para fazer isso acontecer é a TRACTIAN, com os sensores de monitoramento de condição e plataforma de Inteligência Artificial.

Objetivos do Projeto de Manutenção Preventiva

Leonardo Teixeira, atual Coordenador de PCM, com mais de 10 anos de experiência, liderou o projeto de implementação do monitoramento online preditivo da TRACTIAN na Usina São Domingos. Embora ele já tivesse trabalhado com manutenção preditiva online anteriormente, a usina não contava com essa tecnologia.

Ariel Souza, Gerente de Inovação e Transformação Digital, também envolvido desde o início do projeto, destaca que a principal motivação para escolher a TRACTIAN foi a capacidade de resolver problemas operacionais, alcançando um retorno de investimento mais eficiente e a capacidade de antecipar falhas.

“Fazemos um processo de manutenção bem grande, mas por conta da idade do parque fabril, os ativos são antigos, e mesmo com a manutenção em dia, antecipar falhas sempre foi essencial, juntamente com elevar a assertividade baseada em dados e melhorar a disponibilidade dos ativos críticos durante toda a safra.” 

Um aspecto importante da realidade da manutenção na Usina São Domingos é que a equipe é enxuta. Atualmente, o departamento de PCM conta com seis  pessoas, responsáveis por todo o planejamento e programação de manutenção e também pelo projeto de monitoramento online com prescrição de falhas da TRACTIAN.

Início do Projeto

Em abril de 2022, teve início o projeto de implementação do monitoramento online prescritivo na Usina São Domingos. Nessa fase inicial, foi desenvolvida a matriz de criticidade e selecionadas as máquinas onde os sensores seriam instalados. Em seguida, foi definido o cronograma do projeto e realizada a entrega dos sensores. O time de suporte ao cliente da TRACTIAN também forneceu treinamentos técnicos para dar início ao projeto.

Todo o projeto foi marcado por altas expectativas de retorno de investimento, tanto por parte da equipe de manutenção quanto pelos diretores. Isso se deve ao fato de que o lucro cessante de uma hora de linha parada ser muito elevado.

O monitoramento online prescritivo com inteligência artificial da TRACTIAN foi aplicado em todas as máquinas de criticidade A, como torres de resfriamento, bombas, redutores e exaustores de caldeiras. 

O principal objetivo era garantir a segurança dos colaboradores e aumentar a quantidade de informações e dados disponíveis para tomada de decisões.

Leonardo conta que os alertas de prescrição de falhas são acompanhados pelo Igor, para que eles possam intervir nas máquinas no momento certo, e que eles consigam produzir sem muitas interrupções programando as atividades. 

“Estamos conseguindo atuar com excelência para programar a manutenção” , afirma.

decisões baseadas em dados
maquinas da usina São Domingos monitoradas pela Tractian
Principais máquinas monitoradas pela TRACTIAN

Falhas evitadas

Uma das muitas falhas evitadas na Usina São Domingos se deu no exaustor da Caldeira 1500. 

Essa caldeira tem apenas um exaustor, que por sua vez trabalha 24h/dia para atender às demandas. Se o exaustor parar, toda a caldeira precisará ser interditada, já que ela é crítica para toda a produção.

monitoramento do exaustor da caldeira
desgaste no exaustor da caldeira da usina São Domingos

Leonardo relata que mesmo tendo realizado a manutenção durante a entressafra, quando a safra começou, a plataforma de monitoramento começou a indicar, por meio de Inteligência Artificial, um estágio inicial de desgaste na pista externa do mancal do exaustor. Isso alertou toda a equipe de que se a falha progredisse, seria necessário interromper imediatamente o equipamento.

Ao observar o espectro apresentado na plataforma, ficou claro que o equipamento estava chegando a um ponto crítico, com um aumento significativo na amplitude das frequências. A partir desse momento, a equipe de manutenção programou uma parada para intervenção no equipamento de apenas duas horas. Foram realizados todos os preparativos necessários, incluindo o planejamento da equipe e a alocação dos recursos necessários para esse intervalo de parada.

Uma outra falha prescrita pela Inteligência Artificial da Plataforma da TRACTIAN foi o desbalanceamento na caldeira BMP, que possui a maior vazão da usina.

Leonardo afirma que a plataforma prescreveu uma falha aleatória de desbalanceamento. Assim que receberam o alerta, a falha foi analisada e levada à gerência, visto o nível de criticidade do equipamento.  Então, decidiram parar a máquina, e foi verificado o desbalanceamento por incrustação de material no rotor. Em apenas duas horas de manutenção a limpeza do equipamento foi realizada e o nível de vibração voltou ao normal. 

Rotor com acúmulo de sujeira
rotor com acúmulo de sujeira monitorado pela Tractian

A plataforma de inteligência artificial da TRACTIAN detectou uma outra falha crítica na Torre de Resfriamento 01, que é responsável por resfriar a água do abastecimento do parque industrial da destilaria. Esse alerta de aumento de temperatura foi registrado em um domingo. Leonardo mencionou que a falha foi aleatória, pois o equipamento estava operando dentro dos padrões normais antes do incidente.

O coordenador destaca que a substituição do motor da torre de resfriamento seria mais difícil caso o equipamento quebrasse, uma vez que seria necessário o uso de um guindaste devido ser um ativo de difícil acesso.

Assim que Leonardo recebeu o alerta prescritivo em seu celular, ele acionou a equipe de manutenção para realizar a inspeção no local e realizar a limpeza do ventilador do motor das torres de resfriamento, e no mesmo momento a redução de temperatura ocorreu.

sujidade que causou aumento de temperatura
torre de resfriamento usina são domingos

Uma quarta falha crítica prescrita foi no Exaustor 02 da Caldeira 1800, no qual foi monitorada uma folga durante algum tempo. 

O time de manutenção recebeu o alerta prescritivo de uma folga na chaveta da polia do motor que está acoplado ao mancal, e precisaram acompanhar a evolução da falha. 

Quando viram que os padrões de vibração estavam se alterando, eles programaram toda a atividade e quando o time de manutenção foi atuar no  equipamento viram que realmente a chaveta estava folgada. Além disso, aproveitaram para abrir os mancais, trocar a graxa e verificar o tensionamento das correias.

folga mecânica detectada na chaveta

A mudança gerada pelo monitoramento online

Leonardo afirmou que no ano de 2022, a Usina São Domingos terminou com uma alta taxa de disponibilidade dos equipamentos monitorados pela TRACTIAN, superando a meta estabelecida  no início da safra.

“No passado não tão distante todo mundo achava que manutenção era custo. Eu sou fascinado por boas práticas, tecnologia e excelência, e a busca da tecnologia da TRACTIAN foi para manter a produção acontecendo com excelência e sem falhas nas máquinas. “ 

Como a Usina São Domingos tem uma cadeia de produção longa, o capital precisa ser bem investido e mostrar resultados positivos para a companhia.

cliente usina Sao Domingos

Assim, ao invés de sofrer quebras inesperadas, parar a produção no período de safra e fazer intervenções constantes, agora a Usina São Domingos consegue intervir apenas quando realmente faz sentido, programar a produção para ter o menor impacto possível e, por fim, atingir as metas estabelecidas para a produção de açúcar e etanol definidas no início da safra.

E se você quer proporcionar a sua indústria um monitoramento online prescritivo como a Usina São Domingos, prever falhas e aumentar a vida útil das suas máquinas, entre em contato com um dos nossos especialistas e agende uma demonstração.

Compartilhe este artigo

Compartilhe no FacebookCompartilhe no LinkedInCompartilhe no Whatsapp

Sobre o autor:

Foto do Autor

Marianna Musso

Engenheira Civil pela Universidade Federal do Espírito Santo, pós graduada em Gerenciamento de Projetos pela FGV, especialista em gestão de manutenção industrial. É engenheira de aplicações na TRACTIAN.

Linkedin do Autor

Posts Relacionados



Compartilhe este artigo

Compartilhe no FacebookCompartilhe no LinkedInCompartilhe no Whatsapp
smart-trac-chip-blog-Tractian

Está gastando muito com a manutenção inesperada de suas máquinas?

Preencha abaixo o seu e-mail e descubra com o nosso especialista como reduzir esse custo!

Está quase, !

Só precisamos de mais algumas informações: